] Jornal Correio Popular
Ji-Paraná(RO), 28/09/2021 - 19:09
JORNAL CORREIO POPULAR DE RONDôNIA - Fone: 69-3421-6853 - E-mail: redacao@correiopopular.com.br


IMUNIZANTES
Rondônia recebe mais vacinas contra a Covid-19

Data da notícia: 2021-07-22 18:49:25
Foto: Assessoria/Divulgação
Com a chegada destas remessas, Rondônia atinge a marca de 1.103.288 doses de vacinas entregues pelo Governo Federal

O Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), recebeu nesta quarta-feira (21), na Central de Rede de Frios, em Porto Velho, duas remessas de vacinas para o enfrentamento à Covid-19. Os lotes contêm 10.530 doses da Pfizer e 39.500 da AstraZeneca, totalizando 50.030 encaminhados pelo Ministério da Saúde (MS), para a imunização da população, conforme determina o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação (PNO).

De acordo com o diretor-geral da Agevisa, Gilvander Gregório de Lima, os lotes vão contemplar os públicos da seguinte forma: Pfizer, com a 1ª dose para a população de fronteira (divisa) e pessoas de 50 a 54 anos e a 2ª dose para gestantes e puérperas com comorbidades e pessoas com deficiência permanente.

Já a AstraZeneca será para a aplicação da 2ª dose às pessoas com comorbidades e com deficiência permanente e aplicação da 1ª dose às pessoas de 55 a 59 anos.

Com a chegada destas remessas, Rondônia atinge a marca de 1.103.288 doses já recebidas do Ministério da Saúde. As vacinas recebidas serão distribuídas para as seis Regionais de Saúde, juntamente com as remessas entregues na última terça-feira (20), que serão distribuídas ainda esta semana aos municípios.

“Essas doses serão ajustadas, empacotadas e distribuídas nesta quinta-feira (22).

O Governo de Rondônia também tem dado auxílio aos municípios, por meio do ” SOS Vacinação”, para dar celeridade na imunização da população, tanto para a 1ª dose quanto para 2ª dose.

Foi um intenso trabalho nos drive thrus pelos municípios”, declarou Gregório.

REDUÇÃO DE INTERVALO
O diretor-geral da Agevisa destacou ainda sobre a necessidade de antecipar a 2ª dose das vacinas AstraZeneca e Pfizer, como medida para garantir a proteção contra a variante Delta do coronavírus que circula em todo o país. Por meio da criação de Nota Técnica, ficou estabelecido que a 2ª dosagem da AstraZeneca será aplicada no intervalo de 45 e a Pfizer, para 60 dias.

“Não deixem de tomar a 2ª dose. É bom ressaltar que a 2ª dose complementa o ciclo de proteção imunológico para o corpo humano. É necessário lembrar que os protocolos de medidas preventivas devem continuar a serem seguidos, como uso de máscara, álcool em gel e manter o distanciamento social para o bem do cidadão”, concluiu Gregório.

“SOS VACINAÇÃO”
O Governo de Rondônia, além de realizar a distribuição dos imunizantes, tem reforçado as ações de vacinação em parceria com os municípios. Ao todo, seis edições da força-tarefa “SOS VACINAÇÃO” foram realizadas, em: Guajará-Mirim, Candeias do Jamari, Porto Velho, Buritis, São Miguel do Guaporé e Costa Marques.


Fonte: Assessoria


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.