] Jornal Correio Popular
Quinta-feira, 26 / 11 / 2020
JORNAL CORREIO POPULAR DE RONDôNIA - Fone: 69-3421-6853 - E-mail: redacao@correiopopular.com.br


SAÚDE
Agevisa mobiliza população no tratamento contra a tuberculose

Data da notícia: 2020-11-17 18:30:41
Foto: Assessoria/Divulgação
Em 2020, nos dados preliminares já constam 475 casos notificados e desses, 362 são casos novos

No Dia Nacional de Combate à Tuberculose, o Governo do Estado, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), alerta a população sobre a importância da continuidade ao tratamento em casos da doença infectocontagiosa. Em Rondônia, no ano de 2019, 751 casos foram notificados e desses, 631 desenvolveram a forma pulmonar; ainda nesse somatório 601 casos são novos. Em 2020, nos dados preliminares já constam 475 casos notificados e desses, 362 casos novos.

O Brasil é um dos 22 países priorizados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) que concentram 90% da carga mundial de Tuberculose. A distribuição dos casos está concentrada em 315 dos 5.564 municípios do país, correspondendo a 70% da totalidade dos casos.

O abandono do tratamento em casos de Tuberculose é a maior preocupação das autoridades responsáveis pela erradicação e controle da doença no estado. No ano de 2017, dos 791 casos registrados, 155 abandonaram o tratamento. Seguindo os dados preocupantes, em 2018 dos 684 casos, 150 pacientes abandonaram e o ano passado (2019) dos 751 casos registrados, 174 interromperam o tratamento antes de completar os seis meses, tempo mínimo de acordo com o protocolo.

O Ministério da Saúde preconiza uma taxa de cura de 85% e abandono de no máximo 5%, no entanto em Rondônia, no ano de 2018, a cura dos casos novos de tuberculose pulmonar positiva foi de 74,7% e o abandono foi 21,4%.

A diretora da Agevisa, Ana Flora Gerhardt destaca que a estratégia principal para êxito no tratamento é realizar o Tratamento Diretamente Observado (TDO), que pode ser feito pelas equipes da Estratégia Saúde da Família (ESF) nas Unidades Básicas de Saúde dos municípios.

“No estado, a estratégia do TDO é aquém do desejado, refletindo o alto abandono e a baixa cura, isso representa a importância de todos os municípios implementarem a estratégia do tratamento nas unidades de saúde; um caminho para aumentar o índice de cura, reduzir o abandono e consequentemente a mortalidade no estado”.

Encontro
O diretor executivo da Agevisa, Edilson Silva, participou nesta terça-feira (17), da abertura do 1º Encontro de Tuberculose da Região Norte, que abordou as perspectivas e desafios para vencer a doença diante do cenário da pandemia de Covid-19.


Fonte: Secom


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.