] Jornal Correio Popular
Quinta-feira, 26 / 11 / 2020
JORNAL CORREIO POPULAR DE RONDôNIA - Fone: 69-3421-6853 - E-mail: redacao@correiopopular.com.br


REPORTAGEM ESPECIAL
Os desafios dos tratamentos oncológicos durante a pandemia

Data da notícia: 2020-11-17 17:45:30
Foto: Divulgação
De acordo com o oncologista Dr Daniel, os tratamentos oncológicos passaram por várias fases durante a pandemia

O impacto da pandemia foi sentido também dentro dos hospitais e nos tratamentos realizados por pacientes de câncer. De acordo com o especialista, o oncologista Dr Daniel Gimenes, do Grupo Oncoclínicas, o tratamento de câncer de mama na pandemia passou por uma fase de muitas inseguranças no início de março, e com o tempo foi amadurecendo e tomando medidas necessárias mas que não afetasse as pacientes. “Isso foi classificado em cada paciente e, de acordo com o nível da doença, foi adotado medidas necessárias devido a Pandemia, ou seja, casos que não fossem urgentes, as pacientes foram orientadas a retornar periodicamente.

Somente em casos mais graves eram feitos atendimentos com cuidados extremos e os riscos a esses pacientes foram baixos. Segundo informações do Dr. Daniel, recentemente saíram dois estudo do grupo americano e britânico que demonstram que os pacientes com câncer não evoluíram pior que aqueles que receberam a quimioterapia em relação ao Covid. Quando perguntado sobre qual a melhor maneira da mulher enfrentar um tratamento oncológico, Dr. Daniel mencionou a importância do acompanhamento psicológico em conjunto com um tratamento multidisciplinar, porém, que o apoio total da família é fundamental para a melhora de um paciente.

Perguntado sobre a melhor forma de prevenção, o oncologista disse que, além das realizações dos exames de rotina, a prática de esportes e uma alimentação saudável já comprovam que diminui muito o rico de um câncer.

Sinal de alerta
A dermatologista, Dra Simone, falou sobre os primeiros sinais de alerta que uma pessoa pode apresentar quando está com câncer. Ela afirma que existe uma série de sinais ou sintomas que podem ser apresentados na pele, como inchaços, dores na mama ou no mamilo, irritação, saída de secreção dos mamilos ou surgimento de nódulos. “Caso a pessoa tenha alguns desses sintomas, deve procurar um médico especialista para realizar exames”, disse a dermatologista que destacou que, através do autoexame que precisa ser feito periodicamente, já pode-se perceber alguma alteração diferente na pele dos seios.

Tratamento
Outro tipo de tratamento bem eficaz é a Fisioterapia Oncológica especializada em tumores. A especialista Alana Pereira afirma da eficácia do tratamento, no caso depois da cirurgia para ter uma melhores da dor, cicatrização do edema e dos movimentos. “Muitas pacientes devido ao tratamento da quimioterapia reclamam do cansaço, do enjôo e da perda de força. Com isso os exercícios para combater a fadiga são muito importantes”, mencionou Alana.

Os alongamentos também ajudam muito os pacientes, principalmente as mulheres que precisam fazer a radioterapia ou que depois da cirurgia não conseguem levantar os braços para ficar na posição necessária do tratamento. Um lembrete importante é que a paciente deve procurar neste caso um fisioterapeuta especializado com Oncologia que poderá te auxiliar no tratamento mais adequado.


Fonte: Por Regiane Lambert


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.