] Jornal Correio Popular
Sexta-feira, 26 / 02 / 2021
JORNAL CORREIO POPULAR DE RONDôNIA - Fone: 69-3421-6853 - E-mail: redacao@correiopopular.com.br


TRÂNSITO
Detran Rondônia lança projeto “Duas Rodas, Uma só Vida”

Data da notícia: 2019-12-11 12:13:28
Foto: Assessoria/Divulgação
De janeiro a outubro de 2019, 3.456 motociclistas deram entrada no JPII após sofrerem acidentes de trânsito

O número de acidentes de trânsito envolvendo motocicletas em Rondônia é considerado alto. Para alertar a população sobre essa problemática, o governo do estado, por meio do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), lançou o projeto “Duas Rodas, Uma só Vida”, que será desenvolvido pela Diretoria Técnica de Fiscalização a Ações de Trânsito (Dtfat).

Segundo estatísticas, de janeiro a outubro de 2019, 3.456 motociclistas deram entrada no Hospital e Pronto Socorro João Paulo II. Diante do alto número, o diretor geral do Detran, Neil Aldrin Faria Gonzaga, disse que o projeto consiste na orientação e conscientização específica para os condutores de motocicleta. “O número de pessoas acidentadas no trânsito, que utilizam motocicleta, é muito grande, mais de 80% dos acidentes são causados por falha humana”, disse o diretor.

Mais de 50% da frota de Rondônia é composta de motocicleta, em 2018 foram registrados 8.887 acidentes com vítimas não fatais no estado, sendo que das 394 pessoas que perderam a vida no trânsito, no mesmo período, 192 eram motociclistas. Diante dos dados estatísticos, o Detran resolveu desenvolver uma ação educativa específica para esse público.

“O trânsito é comportamento, o usuário tem que ter tranquilidade, não fazer ultrapassagem indevida, respeitar a legislação de trânsito. Só assim teremos um trânsito seguro para todos”, afirmou Neil Gonzaga.

O diretor técnico de da Dtfat, Welton Roney Nunes Ribeiro, explicou que o projeto consiste em orientar e conscientizar o condutor de motocicleta sobre como agir na via, com a chamada direção defensiva.

“O condutor da motocicleta é abordado na fiscalização e convidado para assistir um vídeo de cinco minutos, que mostram vários acidentes de trânsito e como eles poderiam ser evitados, é uma forma de impactar o cidadão, pois aquele fato pode ocorrer com qualquer pessoa que faz uso da motocicleta se não fizer a coisa certa no trânsito”, disse Ribeiro.


Fonte: Assessoria


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.